APAF repudia notícia publicada em diversos órgãos de comunicação social no passado dia 25 de Novembro

A Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) vem por este meio repudiar a forma como foram construídas notícias em diversos órgãos de comunicação social, publicadas em 25 de Novembro deste ano, e que têm como título "Antigo árbitro mata jovem de 24 anos".

A APAF considera que a utilização da expressão "antigo árbitro" é totalmente irrelevante para os factos alegadamente ocorridos, sendo a sua utilização totalmente evitável, porquanto terão sido praticados fora de qualquer contexto das funções de árbitros.

Afirmar que o alegado homicida é antigo árbitro de futebol não reveste qualquer utilidade para a notícia.

A APAF apela, uma vez mais, para que a comunicação social seja prudente e cautelosa na forma como constrói as suas notícias, para que notícias como estas não se reflitam em possíveis comportamentos de risco contra agentes de arbitragem.

É um dever, de todos, de forma direta ou indireta, combater a violência.