História





Em janeiro de 1979, um grupo de Árbitros de Futebol entre eles, Alberto Hélder, António Marçal, Carlos Santos, Fernando Correia, Fradique Figueiredo, Joaquim Campos e Mário Real, resolvem convocar uma reunião de árbitros da Comissão Distrital de Árbitros da Associação de Futebol de Lisboa depois de terem conhecimento da portaria nº17, de 12 Janeiro, que mandava integrar de imediato a arbitragem no seio da FPF e das associações distritais e que no entender dos mesmos a arbitragem poderia vir a perder a independência e autonomia que dispunha até á data, e a aplicabilidade do documento e as constantes agressões que se verificavam a nível nacional, levou este grupo de corajosos a convocar a referida reunião nas instalações da Associação Futebol Lisboa na rua dos Fanqueiros, que viria mais tarde a ser a morada desta Associação de Classe, por cedência da Associação Futebol Lisboa.

Mais de uma centena de Árbitros analisaram a situação vivida, decorrente da referida Portaria, da qual, dentre outros incómodos, ressaltava o facto de não ter proporcionado qualquer transmissão de poderes, a nível de dirigismo, o que levou a Arbitragem ter caído num preocupante e nefasto vazio...

Face aos resultados negativos que até ai se presenciaram e que se perspetivavam agravar-se, resolveram criar a sua Associação de classe, adotando inicialmente a sigla APA-Associação Portuguesa de Árbitros, pois pretendia englobar os Árbitros de todas as atividades desportivas, mas com sectores específicos para cada modalidade.

Então a 11 de Maio - Realizou-se a Assembleia Constituinte da Associação Portuguesa de Árbitros, com a participação de 75 Árbitros, logo qualificados como seus sócios Fundadores. Dado a reunião ter terminado já no dia 12, esta foi a data considerada para efeitos de fundação da Associação.

A 22 de Junho realizou se a primeira tomada de posse dos corpos gerentes.

A 26 de Junho realiza se a primeira reunião de direção onde se decide entre outras coisas o valor das quotas dos associados 30$00 escudos para os árbitros efetivos e de 20$00 para auxiliares.

A 3 de Fevereiro de 1980 é inaugurada a sua primeira sede própria na Av. Almirante Reis em Lisboa.

A 12 de Novembro de 1992 alterou se a designação de APA para a atual APAF.

A 23 de Outubro de 2013 é atribuída a Declaração de utilidade pública á APAF.

A 15 de Agosto de 2017 é cumprido um sonho e a APAF inaugura a sua nova sede em Instalações próprias.